art viva2
ONDA NET
art viva 1
Vale do Piancó

Dois dos três feridos em tiroteio em Piancó

Permanecem hospitalizados e sob custódia policial

13/01/2020 08h53
Por: Ronaldo Magella
91

Uma troca de tiros entre membros de duas famílias rivais na manhã deste sábado, 11, na Rua Pedro Ângelo, centro de Piancó, deixou três feridos, um dos quais já foi liberado e encaminhado à delegacia, enquanto os outros, em função da gravidade das lesões, foram transferidos para o regional de Patos, onde permanecem internados sob custódia policial.

Segundo informações obtidas de testemunhas, um mototaxista da família Mamede estaria sendo agredido fisicamente por membros da família Alves, motivando o pai do rapaz a sacar uma arma e disparar contra os supostos agressores. Alguns deles também estavam armados e revidaram.

Durante a troca de tiros, o pai do mototaxista, que tem um quiosque nas proximidades do local do fato, foi ferido, e também ficaram baleados dois integrantes da família rival. O rapaz inicialmente agredido não ficou lesionado e foi conduzido à delegacia, onde foi ouvido como testemunha, enquanto os seus demais desafetos terminaram fugindo do local.

O delegado Rodrigo Pinheiro é quem está apurando o caso. Neste momento, tem apenas uma pessoa detida, exatamente a que ficou lesionada na perna e liberada pelo hospital de Piancó. Já os dois homens que estão internados também poderão ser ou não autuados em flagrante assim que deixarem o hospital, conforme o entendimento do delegado. Um Fiat Uno, que ficou entre o fogo cruzado e foi cravado de balas, está apreendido e vai embasar o inquérito.

Um revólver calibre 38 também foi apreendido no local do tiroteio e é de um dos homens feridos. Segundo informações policiais, o motivo da briga deste sábado teria sido uma primeira confusão na semana passada entre o mototaxista e um pecuarista da família Alves em razão de um problema de trânsito. Ele é um dos que fugiram após o tiroteio.

A informação é que o rapaz teria se queixado com o pecuarista por este ter estacionado um caminhão bem próximo ao quiosque do seu pai, ocorrendo um confronto físico entre os dois.

O dono do caminhão teria sido lesionado no rosto por um soco e, como se supõe, tentou uma vingança neste sábado, quando se juntou a familiares e partiram para o revide: o mototaxista foi agredido a chibatadas às vistas do próprio pai, que reagiu à bala, gerando todo um desdobramento sangrento. 

Fonte Folha do Vale

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários