Quinta, 16 de Setembro de 2021
83 9.93126892
Cidades Paraíba

Caminhoneiros veem conotação política e não devem aderir à greve na Paraíba

Um dos líderes do movimento acredita que a paralisação não vai ganhar adesão no Nordeste.

08/09/2021 18h50
130
Por: Redação
Caminhoneiros veem conotação política e não devem aderir à greve na Paraíba

A greve deflagrada por caminhoneiros em Santa Catarina, Paraná e Espirito Santo nesta quarta-feira (08) não deve ter reflexo na Paraíba, ao menos nesse primeiro instante.

A avaliação é de lideranças da categoria no Estado. Os profissionais afirmaram que há mais interesse político no movimento, do que a defesa de pautas da classe.

Um dos líderes do movimento acredita que a paralisação não vai ganhar adesão no Nordeste.

“Lá pelo Sul o Agronegócio é muito forte. Aqui, os caminhoneiros estão sofridos. Isso é briga política e não cabe a nós entrar nesse imprensado”, confidenciou.

Paralisação em outros estados 

Segundo a Folha de São Paulo, desde às 8h há bloqueios em Garuva, Joinville, Mafra, Santa Cecília, Guaramirim e Campos Novos, em Santa Catarina. No Paraná, há manifestações em Paranavaí e em Maringá.

Segundo o Ministério da Infraestutura, os protestos “não se limitam a demandas ligadas à categoria” e que não há coordenação de entidades do setor. A pasta afirma que já foram registrada 56 ocorrências com tentativas de bloqueio total ou parcial de rodovias nas últimas horas.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias