Quinta, 16 de Setembro de 2021
83 9.93126892
Polícia Manifestações na PB

PM quer evitar conflito entre manifestantes durante o 7 de Setembro

O coronel afirmou esperar que haja bom senso do cidadão para “um momento tão delicado”.

06/09/2021 22h39
153
Por: Redação Fonte: Mais PB
PM quer evitar conflito entre manifestantes durante o 7 de Setembro

A Polícia Militar da Paraíba já trabalha de forma preventiva no sentido de evitar possíveis confrontos entre grupos antagônicos em atos programados para ocorrerem nesta terça-feira, no 7 de Setembro. Em João Pessoa, por exemplo, há atos programados de pessoas com simpatia ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e outras com ligação ideológica ao ex-presidente Lula (PT).

O coronel Lívio Delgado, coordenador do estado maior estratégico da Polícia Militar, informou que algumas intervenções já foram feitas junto a pessoas que lideram os grupos para que as manifestações ocorram em horário e locais diferentes.

“Fizemos a divisão de horário em algumas localidades para evitar que haja um encontro dos movimentos no mesmo local, no mesmo horário e temos conseguido sucesso. Espero que eles tenham a consciência, a compreensão de que a manifestação é livre, mas todos devem se respeitar uns aos outros para que a Polícia Militar, a Polícia Civil e os órgãos de segurança não tenham que intervir de forma mais enérgica nesse momento. Se assim acontecer, a polícia terá com que cumprir o papel dela e fazer conduções se assim for necessário”, disse Lívio Delgado.

O coronel afirmou esperar que haja bom senso do cidadão para “um momento tão delicado”.

Sobre a participação de policiais nas manifestações, Lívio acredita que os militares vão agir dentro da isenção e se manterão dentro do papel de isenção. Mesmo assim, ele frisou que a Corregedoria da Corporação já foi orientada para apurar possíveis excessos.

“Temos orientação para a Corregedoria, se assim entender que aconteceu excesso, deverá ser apurado e acompanhado no devido processo legal”, acrescentou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias