ONDA NET
Coluna

Confira a nova coluna de Thamires Duda, prevenção ao suicídio

Campanha do mês Setembro Amarelo

Thamires Duda

Thamires DudaA tecnóloga em Gestão Pública e acadêmica de Direito, Thamires Duda, escreverá sobre boa gestão, eficiência no poder público, formas de melhorar a vida das pessoas através de uma administração empreendedora e de uma gestão eficaz e empoderadora.

05/09/2020 07h02
Por: Ronaldo Magella
141

POLÍTICAS PÚBLICAS SÃO CAPAZES DE PREVENIR SUICÍDIO

O mês de setembro é dedicado à prevenção do suicídio, importante problema de saúde pública que vem aumentando em todo o mundo.

No mês em que é realizado o setembro Amarelo, a OMS (Organização Mundial de Saúde) alerta sobre a necessidade de criar medidas e políticas públicas para a prevenção do suicídio.

Para a Organização, através de mobilização para implementar ações eficazes é possível prevenir que a cada 40 segundos, uma pessoa tire a própria vida.

A necessidade de investimento público neste problema, que é sim uma calamidade pública, é notório, precisamos cada vez mais de investimento em psicólogos e psiquiatras de forma ainda mais acessível para toda a população, é necessário pessoas capacitadas e especializadas introduzidas cada vez mais em nosso meio para encarar essa triste doença.

 É nítido a precariedade desses importantes profissionais no nosso dia a dia , estamos em tempo com extrema novidades para todo mundo e isso aumenta a ansiedade de todos , o achismo sobre a doença com certeza não é o melhor caminho a ser seguido.

Um exemplo de programa de real efetivo aqui no Brasil diante do problema é o CVV (Centro de Valorização da Vida) que ajuda na prevenção do suicídio. O Centro, que atua juntamente com SUS (Sistema Único de Saúde), atende gratuitamente, através de ligação gratuita pelo número 188, todos os dias da semana.

O atendimento é de total sigilo e já ajudou milhares de pessoas, pois são pessoas que são preparadas de fato para lidar com o problema.

Os números não mentem, nossa civilização encontra-se em estado coletivo de depressão estrutural e sistêmica: uma pandemia cultural, com resultados catastróficos.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.