ONDA NET
45 mil casos

Paraíba passa dos 45 mil casos de Covid-19 e confirma mais 20 mortes pela doença

Estado tem 931 mortes em decorrência da Covid-19, com casos em 217 dos 223 municípios.

29/06/2020 21h18
Por: Sidney Silva
139

A Paraíba ultrapassou nesta segunda-feira (29) os 45 mil casos de Covid-19. De acordo com o boletim da Secretaria de Estado da Saúde (SES), mais 20 mortes em decorrência de infecção pelo novo coronavírus também foram confirmadas nas últimas 24 horas. Agora, a Paraíba contabiliza 45.057 casos de 931 mortes por Covid-19.

Segundo a SES, 217 dos 223 municípios paraibanos têm registro de casos de Covid-19. Destes, os cinco onde estão concentradas as maiores quantidades de casos, são:

A Secretaria também informou que dos 20 novos óbitos registrados, cinco aconteceram nas últimas 24 horas, em pacientes com os seguintes perfis:

  • Homem, 69 anos, residente em Bayeux. Hipertenso, diabético. Inicio dos sintomas em 29/05. Morreu em hospital público no dia 27/06.
  • Mulher, 83 anos, residente em Caiçara. Portadora de câncer e diabetes. Inicio dos sintomas em 28/05. Morreu em hospital público no dia 10/06.
  • Homem, 55 anos, residente em Campina Grande. Paciente era portador de disturbio do metabolismo. Inicio dos sintomas em 06/06. Morreu em hospital público no dia 14/06.
  • Homem, 67 anos, residente em Campina Grande. Sem informação de comorbidades. Inicio dos sintomas em 10/06. Morreu em hospital público no dia 14/06.
  • Homem, 69 anos, residente em Campina Grande. Cardiopata. Inicio dos sintomas em 10/06. Morreu em hospital público no dia 22/06.
  • Mulher, 88 anos, residente em Campina Grande. Cardiopata. Inicio dos sintomas em 23/05. Morreu em hospital público no dia 05/06.
  • Homem, 62 anos, residente em Campina Grande. Hipertenso. Inicio dos sintomas em 18/05. Morreu em hospital público no dia 29/05.
  • Homem, 79 anos, residente em Guarabira. Hipertenso, diabético. Inicio dos sintomas em 15/06. Morreu em sua residência no dia 17/06.
  • Homem, 60 anos, residente em Guarabira. Hipertenso, diabético. Inicio dos sintomas em 19/06. Morreu em sua residência no dia 27/06.
  • Mulher, 63 anos, residente em Ingá. Diabética e cardiopata. Inicio dos sintomas em 17/06. Morreu em hospital público no dia 25/06.
  • Homem, 41 anos, residente em João Pessoa. Diabético e obeso. Inicio dos sintomas em 16/05. Morreu em hospital público no dia 28/05.
  • Homem, 73 anos, residente em João Pessoa. Hipertenso, diabético, cardiopata e portador de doença respiratória. Inicio dos sintomas em 10/06. Morreu em hospital público no dia 28/06.
  • Homem, 74 anos, residente em João Pessoa. Hipertenso, diabético. Inicio dos sintomas em 02/06. Morreu em hospital público no dia 28/06.
  • Homem, 71 anos, residente em João Pessoa. Diabético e obeso. Inicio dos sintomas em 24/06. Morreu em hospital público no dia 26/06.
  • Mulher, 59 anos, residente em João Pessoa. Portadora de doença renal. Inicio dos sintomas em 24/06. Morreu em hospital público no dia 28/06.
  • Homem, 55 anos, residente em João Pessoa. Paciente no pós operatório de herniografia. Inicio dos sintomas em 25/06. Morreu em hospital público no dia 27/06.
  • Homem, 79 anos, residente em João Pessoa. Diabético e hipertenso. Inicio dos sintomas em 31/05. Morreu em hospital privado no dia 17/06.
  • Homem, 67 anos, residente em Patos. Hipertenso, diabético. Inicio dos sintomas em 31/05. Morreu em hospital público no dia 26/06.
  • Homem, 82 anos, residente em Patos. Hipertenso, diabético. Inicio dos sintomas em 10/06. Morreu em hospital público no dia 26/06.
  • Mulher, 90 anos, residente em Teixeira. Sem comorbidades. Inicio dos sintomas em 11/06. Morreu em hospital público no dia 28/06.

Até o momento, dos mais de 45 mil infectados pelo novo coronavírus na Paraíba, 14.232 estão recuperados e 931 faleceram. Outros 40.423 casos considerados suspeitos da doença foram descartados, e 129.672 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados.

A taxa de ocupação dos leitos de UTI está em 61% em todo o estado. Na Grande João Pessoa, 70% dos leitos estão ocupados, em Campina Grande 65%, e no Sertão do estado, 48%. O índice de isolamento social foi de 45,9%, quando o recomendado pelas autoridades de saúde é que fiquem em no mínimo 70%.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.