ONDA NET
art viva2
art viva 1
Caso de cura

No Pernambuco surge o primeiro caso de cura clínica em uma mulher

A informação foi repassada pelo o secretário de saúde do Estado

20/03/2020 18h34Atualizado há 3 semanas
Por: Sidney Silva
317
Secretário Estadual de Saúde, André Longo, apresenta atualização de casos do novo coronavírus em Pernambuco
Secretário Estadual de Saúde, André Longo, apresenta atualização de casos do novo coronavírus em Pernambuco

Sobe para 31 o número de casos confirmados do novo coronavírus em Pernambuco, segundo o novo balanço divulgado, nesta sexta-feira (20), pela Secretaria Estadual de Saúde (SES). Durante coletiva de imprensa, o secretário André Longo anunciou o primeiro caso, em Pernambuco, de cura clínica em mulher que foi infectada pelo novo coronavírus. No Brasil, são 904 casos e 11 mortos.

O caso de cura clínica, em Pernambuco, é de uma mulher de 66 anos, que foi infectada pelo novo coronavírus na Europa e está em condições de alta. Outros nove pacientes permanecem internados, todos estáveis. A paciente, que, ao lado do marido, foi a primeira diagnosticada com a covid-19 em Pernambuco, teve cura clínica constatada nesta sexta-feira (20). Ela estava internada no Real Hospital Português (RHP).

O marido dela, de 71 anos, e outros oito pacientes infectados pelo covid-19, permanecem internados, todos estáveis. Os demais casos confirmados estão em isolamento domiciliar. Nas últimas 24 horas, o número de casos confirmados da Covid-19 em Pernambuco subiu de 28 para 31. Dois deles são residentes no Recife e um em Jaboatão dos Guararapes.

MEDIDAS RESTRITIVAS

Com o objetivo de reduzir ao máximo o avanço do novo coronavírus, o governador Paulo Câmara anunciou, na manhã desta sexta-feira (20), novas medidas restritivas. Por meio de decreto, o Governo determina, a partir do próximo domingo (22), o fechamento do comércio e dos serviços em todo o Estado, além da paralisação das obras da construção civil. O transporte intermunicipal também será proibido, mas nesse caso, só a partir da próxima segunda-feira (23). 

O governador ressaltou ainda que não estão incluídos na lista do novo decreto serviços relacionados à alimentação, como supermercados, padarias, mercadinhos, casas de ração animal, farmácias e depósitos de água mineral e gás, além de obras de serviços essenciais (como hospitais e abastecimento de água, gás, energia e internet). Obras contratadas pelo serviço público de todos os entes federativos também estão mantidas. 

O governador também encaminhou, nesta sexta-feira (20), à Assembleia Legislativa de Pernambuco, três expedientes: o primeiro institui o fundo estadual para recebimento de doações para enfrentar a epidemia de coronavírus; outro informa a adoção de rito sumário para aquisição de equipamentos, insumos, prestação de serviços e contratação de profissionais de saúde; e, por fim, a decretação de estado de calamidade pública no Estado.

Sobre as requisições administrativas de imóveis e produtos, o Governo do Estado esclarece que todas as ações estão sendo acompanhadas pela Secretaria da Fazenda, e que os pagamentos referentes a essas requisições serão prioridade.

Outro ponto importante é que, neste mês de março, Pernambuco está pagando o segundo grupo do 13º do Bolsa Família. Serão 395.930 famílias que receberão até R$ 150 a mais em suas contas. Em fevereiro, o primeiro grupo de 381.789 beneficiados já recebeu a parcela extra. Em abril, o terceiro grupo, com 380 mil pessoas, será beneficiado.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.