art viva 1
art viva2
ONDA NET
Latrocínio

Mãe de sargento do Corpo de Bombeiros é assassinada à facadas e polícia suspeita de latrocínio

O fato aconteceu na Rua Belo Horizonte, no bairro do Rocha Cavalcante, na Zona Sul de Campina.

11/03/2020 18h12
Por: Sidney Silva
Fonte: Com BLog de Márcio Rangel
200

Um crime bárbaro aconteceu no final da manhã desta quarta-feira (11) em Campina Grande, no Agreste do estado, onde a vítima, reconhecida por Alana Maria, de 84 anos e mãe de um sargento do Corpo de Bombeiros da cidade, foi assassinada à golpes de faca no interior de sua residência.

O fato aconteceu na Rua Belo Horizonte, no bairro do Rocha Cavalcante, na Zona Sul de Campina.

Segundo informações preliminares, o crime ocorreu por volta das 11:30 da manhã, quando um bandido, ainda não identificado, teria invadido a casa da mulher e desferido quatro golpes de faca contra a vítima, sendo 3 delas no tórax e 1 no pescoço.

Segundo informações do seu genro, Alana foi encontrada em seu quarto por um dos seus filhos, que morava na residência com a vítima. Uma unidade do SAMU foi chamada no local, mas a aposentada já estava sem vida.

Após o assassinato, o bandido fugiu do local tomando destino ignorado. Segundo o sargento do Corpo de Bombeiros, Edilson Joaquim, filho da vítima, não havia nenhuma arma na residência da vítima, o que desconstrói a teoria de latrocínio. Ainda segundo o sargento, gritos de socorro da vítima foram escutados por alguns vizinhos, que, por não saber do que se tratava, não agiram de imediato.

Unidades da polícia, corpo de bombeiros e SAMU seguem no local para a realização dos procedimentos cabíveis. A polícia iniciará as investigações visando a elucidação do caso.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.