art viva 1
art viva2
ONDA NET
I FLIREDE

I FLIREDE: reafirmação de um espaço, as bibliotecas

Livros, bibliotecas e leitores

Ronaldo Magella

Ronaldo MagellaSobre café, livros, filmes e outras coisas pequenas.

21/09/2019 14h27
Por: Ronaldo Magella
187

A inauguração, e / ou, a reinauguração das bibliotecas de várias escolas do Estado da Paraíba, dentro das ações da I FLIREDE, Feira Literária da Rede Estadual de Ensino da Paraíba, foi um momento de reafirmação de um espaço legítimo de conhecimento.

Biblioteca não é um espaço de colocar alunos, como se pensa. E se faz.

Leitura não pode ser uma obrigação.

Rubem Alves diz que, quando você obriga a alguém a ler, já estragou a leitura.

Reapresentar o espaço literário da escola, a biblioteca, a própria escola, aos alunos, como uma política afirmativa de Educação, foi essencial para que se tenha um novo olhar sobre esse espaço de convivência e produção de conhecimento.

A proposta da FLIREDE não era de festa, mas de legitimar e reafirmar, também de construção, de um ambiente que é essencial no processo de aprendizagem dos alunos, na organização das aulas dos professores, no desenvolvimento da escola e da cidadania.

Biblioteca é lugar é espaço de identidade cultural, formação de leitores, discussão intelectual, de descobrimento interior.

A Campanha Eu Quero Minha Biblioteca, pela universalização das bibliotecas, diz “Nem escolas sem livros, nem livros sem leitores”.

É preciso ler, agora mais do que nunca, para combater a ignorância e afastar trevas da intolerância que paira sobre o mundo.

Mais bibliotecas, mais livros, mais leitores, mais conhecimento, mais amor, por favor.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários